Amamentação: proteção e nutrição física e emocional.

Saiba o que é o “sapinho” e como evitá-lo.

3414 Views 0 Comment

O sapinho é uma infecção por fungo, que ocorre geralmente por Candida sp. Essa infecção é comum e pode ter início na região das fraldas ou na cavidade oral do bebê e pode ser transmitido para a mama materna. Ele ocorre principalmente em regiões que permanecem úmidas e aí os fungos se proliferam. A alimentação e o uso de alguns medicamentos também podem ser fatores predisponentes do sapinho, monilíase ou candidíase.

 

Em geral, inicialmente não há sintomas, mas após alguns dias começam a surgir, na boca do bebê, pontos brancos ou crostas, que se parecem placa de leite. Ao mamar, o fungo passa para a mama e a mãe pode ter a sensação de pontadas durante e após a amamentação, sensação de queimação e coceira. A aréola e mamilo podem ter aspecto rosado, podem surgir fissuras, especialmente na divisão do mamilo com a aréola, a pele ficar irritada ou descamada.

 

Para evitar o sapinho, algumas dicas básicas:

  • lavar muito bem as mãos após trocar a fralda do bebê
  • não utilizar bicos artificiais, pois eles são fontes de proliferação de fungos
  • evitar o uso de conchas, pois o leite que vaza mantém a mama úmida e é um ambiente favorável para o fungo (úmido e aquecido)

 

Se o bebê e a mãe forem acometidos:

  • procurar o médico para tratamento do bebê e mãe, ainda que não haja sintomas na mama
  • lavar mamilo e aréola com água e mantêm-lo seco e arejado
  • controlar a alimentação: evitar embutidos, industrializados, doces e refrigerantes. Esses alimentos favorecem a proliferação de fungos
  • se o fungo for resistente à medicação haverá recidiva. Fique atenta e volte ao médico caso não perceba a cura completa.

 

 

0 Comments

Leave a Comment